Rede Hits FM

MACAÉ
ITAPERUNA
SJB / CAMPOS
PUBLICIDADE

Campos com confirmação de dois casos de varíola dos macacos

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email

Campos com confirmação de dois casos de varíola dos macacos


Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email
HFM
Foto: Júlio Tinoco
HFM
Foto: Júlio Tinoco

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através da Subsecretaria de Atenção Básica, Vigilância e Promoção da Saúde (Subpav), obteve a confirmação de dois casos de varíola dos macacos em Campos, transmitida pelo vírus monkeypox. Os exames laboratoriais dos pacientes foram realizados no Laboratório Central de Saúde Pública Noel Nutels (LACEN/RJ). Um paciente foi internado em leito de isolamento do Setor de Doenças Infecto Parasitárias no Hospital Ferreira Machado (HFM), no início da tarde desta terça-feira (2). O outro está em vigilância domiciliar.

De acordo com a secretaria, o paciente, do sexo masculino, que precisou de internação, tem 33 anos. Ele tem histórico de viagem para a cidade de Natal (Nordeste) e para São Paulo nos últimos 30 dias. Também apresentou quadro clínico sistêmico e lesões características para varíola, após atendimento ambulatorial na Unidade de Pronto Atendimento (UPA). O material para exame laboratorial foi coletado na última quinta-feira (28) e o resultado enviado ao município nesta segunda-feira (1º).

“Esses são os primeiros casos confirmados na cidade. Até o momento não há suspeita entre os contactantes, mas seguiremos com a avaliação médica diária”, explica o subsecretário da Subpav, Rodrigo Carneiro. O especialista acredita que a contaminação tenha ocorrido no deslocamento entre uma cidade e outra para as quais o paciente viajou.

O segundo paciente, também masculino, tem 40 anos e viajou recentemente para o Rio de Janeiro. Atendido no Hospital Ferreira Machado (HFM), ele teve material coletado para análise também na quinta-feira (28) e o resultado confirmando a infecção por monkeypox na tarde desta terça-feira (2).

O paciente que necessitou de internação encontra-se com quadro de saúde estável. Os contactantes – pessoas com quem teve contato após as viagens – estão em isolamento domiciliar e monitorados pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde de Campos (CIEVS/Campos). O segundo paciente e seus contactantes também estão em isolamento. Ambos os pacientes possuem comorbidades.

“É importante frisar que, até o momento, não há nenhum indício de circulação autóctone, ou seja, de circulação do vírus dentro da cidade, com transmissão local. Os casos que temos, um confirmado e outro suspeito, são muito prováveis por infecção fora dos limites do município. Isso não quer dizer que não tenhamos a circulação do vírus num futuro próximo dentro da cidade”, afirma Carneiro.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email
PUBLICIDADE

Destaques do dia
PUBLICIDADE
Fique sabendo
PUBLICIDADE
Promoções
Podcasts
PUBLICIDADE