Rede Hits FM

MACAÉ
ITAPERUNA
SJB / CAMPOS
PUBLICIDADE

Brasil deve diminuir em 1% a extrema pobreza em 2022

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email

Brasil deve diminuir em 1% a extrema pobreza em 2022


Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email
Extrema pobreza
Foto: Reprodução
Extrema pobreza
Foto: Reprodução

Quantidade de famílias em situação de extrema pobreza poderá diminuir para 4,1% até o final deste ano.
Em 2019, antes da pandemia, a taxa era de 5,1% do total de lares brasileiros.
A redução de 1% foi divulgada pelo Instituto de Pesquisas Econômicas, o Ipea.
O presidente do instituto, Erik Figueiredo, afirma que o País caminha no sentido oposto da previsão global.
De acordo com ele, a estimativa do Banco Mundial é que o número de pessoas em situação de extrema pobreza no mundo terá aumento de 10% este ano.
A quantidade equivale a cerca de 700 milhões de pessoas que sobrevivem com renda inferior a um dólar e 90 centavos por dia.
No Brasil, a projeção oficial é que existem mais de 47 milhões de pessoas nessa situação.
O dado se refere ao mês de maio e considera quem faz parte do Cadastro Único, no entanto, muitos brasileiros que passam fome ainda não estão inscritos.
É o caso da metade dos moradores em situação de rua, que segundo pesquisa da Universidade Federal de Minas Gerais, não tem acesso a nenhum benefício social.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on print
Share on email
PUBLICIDADE

Destaques do dia
PUBLICIDADE
Fique sabendo
PUBLICIDADE
Promoções
Podcasts
PUBLICIDADE